Vírus: Tipos, Como são Formados e as Doenças Causadas

 

Conheça tudo sobre Vírus. Veja os tipos, como são formados e as doenças causadas!

Escolha qual vírus você deseja conhecer melhor:

A simples menção ao seu nome já gera motivo de apreensão e medo.

Não há quem não fique preocupado quando o assunto são estes seres.

E por incrível que pareça são os menores organismos que existem na natureza.

Seu tamanho é microscópico.



São menores que as bactérias e são visualizados somente em megas microscópios eletrônicos.

Possuem características muito interessantes.

Características

Estas pequeníssimas criaturas não são consideradas seres vivos pela comunidade científica.

A biologia os estuda como seres sem reino, pois não estão inseridos em nenhum dos 5 reinos que categorizam os seres vivos.

Não possuem células, são acelulares e por isto, estão cercados por verdadeira polêmica que questiona se são seres vivos ou não vivos.

Alguns estudiosos os chamam de Acytotas (sem células, acelulados).

parasitas raiva sarampo

Seres vivos ou não

A questão que se impõe é o fato de não conseguirem processar seu próprio metabolismo, isto é, eles não conseguem sobreviver sem infectarem uma célula.

São parasitas por natureza e incapazes de resistir em ambiente extracelular.

Nem mesmo sua reprodução é possível fora de uma célula.

Tipos e estrutura

Há vários tipos.

Alguns são especializados em infectar a célula animal.

Outros infectam as plantas e há os que infectam as bactérias.

Uma recente pesquisa estima que existem em torno de 320.000, capazes de afetar mamíferos.

Para sobreviverem, as células são utilizadas.

Veja como é a sua estrutura pois é bastante simples.

São formados por um capsídeo proteico (camada de proteínas), que guarda o material genético. Isto significa que é basicamente constituído por uma camada de proteínas envolvendo moléculas de ácido nucléico (DNA – ácido desoxirribonucleico / RNA- ácido ribonucleico). Alguns tipos possuem ainda uma capa lipídica circundando esta estrutura.

Como afetam as células

Para sobreviverem eles precisam infectar células dos seres vivos.

Eles introduzem dentro delas, seu material genético.

A partir daí, dominam inteiramente o metabolismo da célula infectada.

Inativam os genes celulares e passam a usar todas as substâncias a seu favor, para se reproduzirem.


Assim vão se multiplicando e invadindo todas as outras células próximas, até adoecer todo o órgão.

É desta forma que muitas doenças tomam conta de nosso organismo.

Doenças causadas

Existem muitas doenças causadas e, entre elas as mais comuns são:

– Hepatite;

– Dengue;

– Sarampo;

– Catapora;

– Caxumba;

– Febre Amarela;

– Varíola;

– Poliomielite ;

– AIDS;

Zika.

Um dos que mais têm causado mal ultimamente é o da Zika, que é transmitido pelo Aedes Aegypti.

Ele pode provocar a morte. Quando afeta mulheres grávidas, atinge o feto e a criança pode nascer com microcefalia. Uma vez dentro do corpo, se espalha.

Adentrando no organismo, pode infectar sêmen, saliva, urina e leite materno.

bacteriofago gripe herpes

Comparativo com as bactérias

São muitas vezes confundidos com bactérias.

Mas, existem muitas diferenças entre eles apesar de ambos serem causadores de doenças.

Vírus Bactéria
Não são seres vivos São seres vivos
Não estão classificados em nenhum reino biológico Pertencem ao reino monera
São acelulares Possuem uma única célula (unicelulares)
São muito menores que as bactérias Comparativamente possuem maior tamanho
Só sobrevivem se infectarem as células.
Precisam de uma célula hospedeira para sobreviverem
Possuem metabolismo próprio. Conseguem se reproduzir e sobreviver (Reprodução assexuada)
São essencialmente nocivos
(Atualmente estão sendo realizadas pesquisas sobre a capacidade de alguns tipos destruírem tumores cerebrais, mas ainda não há nada comprovado)
Algumas são benéficas. Como as que fazem o iogurte, o queijo. Temos bactérias que fazem nossa flora intestinal e nos ajudam na digestão
Se multiplicam sistematicamente, invadindo várias células do corpo Provocam uma infecção localizada,ou seja infectam um órgão do corpo
São combatidos preventivamente com vacinas. Quando se instalam são combatidos com medicamentos antivirais São combatidas com antibióticos

Resumo

Para concluir podemos resumir o que vimos neste artigo. Acompanhe como segue:

– São seres não vivos, acelulares, que precisam infectar uma célula para sobreviverem;

– Existem vários tipos e há um tipo específico para contaminar animais, vegetais, bactérias. Existem 320.000 tipos capazes de infectar mamíferos;

– A estrutura é composta de capsídeo e material genético, em alguns há capa lipídica;

– São diferentes das bactérias em muitos aspectos e, inclusive, há bactérias úteis;

– Causam muitas doenças inclusive AIDS, Hepatite, Dengue e Zika;

– São todos prejudiciais;

As bactérias são causadoras de outras doenças diferentes. Por exemplo: Tuberculose, Pneumonia, Amigdalite, Bronquite, Cárie e outras.

Estão sendo estudados a cada dia, assim como as bactérias.

A Ciência não mede esforços para avançar mais e mais na busca por novas soluções que façam nossa vida mais segura e mais feliz.

E você, o que acha?

Deixe sua opinião.

E se gostou, compartilhe.

Recomendado para você:



Política de Privacidade