Pílula do Dia Seguinte: Atrasa Menstruação? Engorda? Faz Mal?



Veja para que serve a Pílula do dia seguinte, quanto custa e se engorda. Seu uso atrasa a menstruação?

O que é

Consiste de um método contraceptivo de emergência produzido a base de um fármaco conhecido como levonorgestrel ( progesterona sintética).

A sua versão em inglês é Day-after-pill ou Morning-after-pill.

Existe uma infinidade de métodos contraceptivos atualmente, como o próprio preservativo, pílula anticoncepcional, diafragma e DIUs (Dispositivos intra-uterinos).

Note que esses métodos contraceptivos citados devem ser utilizados de maneira correta, seja antes ou durante as relações sexuais.

Quando ausentes, o risco de transmissão de doenças graves (principal, mas não exclusivamente DSTs – Doenças Sexualmente Transmissíveis) e de uma gravidez indesejada aumenta.

Para o caso da gravidez, há um método emergencial para evitar que é justamente a ingestão da ” famosa ” pílula do dia seguinte e também conhecida por diad.

Como funciona

São feitas de grande quantidade hormonal, principalmente progesterona.

A funcionalidade da pílula se dá da seguinte forma: ao ingeri-la, há um aumento drástico de progesterona no organismo.

Primeiro, deve-se lembrar que o hormônio progesterona (como o nome sugere – “prógestação”) é um dos responsáveis por manter as condições favoráveis ao desenvolvimento do embrião, sendo indispensável para que a gravidez se processe de maneira adequada e saudável.

Pode parecer um tanto quanto contraditório que se tome um hormônio responsável por manter a gravidez para evitá-la.

O que ocorre é que o aumento drástico de progesterona no organismo é seguido da sua diminuição drástica. Com a queda dos níveis de progesterona, há a descamação do endométrio (menstruação) e a consequente eliminação do embrião.

Note que a palavra embrião mostra que a ingestão da pílula ocorre após a concepção (mais especificamente fecundação, encontro do espermatozoide com o óvulo), o que leva a uma discussão se a ingestão da pílula poderia ser considerada um método abortivo.

Para a OMS – Organização Mundial da Saúde, só se constitui como método abortivo processos que interrompam a gravidez após a fixação do embrião na parede do útero, o que ocorre aproximadamente 13 dias após a fecundação.



obesidade morbida contracepcao emergencia acetato de medroxiprogesterona neodia norlevo pozato

Efeitos colaterais da Pílula do dia seguinte

As pílulas do dia seguinte, assim como as pílulas anticoncepcionais, são sabidamente danosas de certa forma ao organismo, podendo apresentar alguns efeitos colaterais como dores de cabeça, sangramentos intrauterinos, alterações na menstruação (em relação à quantidade e ao período, mas geralmente as pílulas não atrasam a menstruação e sim a adianta), ganho de peso e aumento da pressão arterial. 

Por isso, antes de tomá-la, procure se informar com um médico e sempre leia a bula.

Onde comprar e como tomar a Pílula do dia seguinte

Como foi explicado ao longo do artigo, não é abortiva e portanto, de acordo com a legislação brasileira, pode ser vendida livremente em drogarias e farmácias.

No entanto, em alguns países como os EUA, a compra de pílulas do dia seguinte na farmácia eram restritas; após 2013, o governo liberou a compra para todas as idades.

O preço varia obviamente de acordo com a rede farmacêutica escolhida e com o tipo de pílula, mas a pílula custa em média de 20 a 25 reais.

Existem discussões que tem a intenção de tornar controlada a sua venda, mas o processo ainda está percorrendo os trâmites legais até que se conclua (caso se conclua).

As pílulas devem, em geral, serem ingeridas oralmente o mais rápido possível após a relação sexual desprotegida.

Após 72 h da relação sexual desprotegida, as pílulas do dia seguinte perdem consideravelmente o efeito esperado e seu uso não é aconselhado.

É extremamente importante notar que os medicamentos destinados para esse fim são de dose única: não se deve tomar mais de uma pílula na esperança que o efeito seja cumulativo, muito pelo contrário.

Superdosagens de fármacos em geral levam a alterações funcionais no organismo e podem trazer problemas sérios de saúde e, por consequência, faz mal.

Caso seja consumida uma dose acima da recomendada, procure um médico.

Clique aqui agora para ver mais sobre Saúde Feminina