Labirintite: Dá dor de Cabeça? É emocional? Tem Cura?



Veja se a Labirintite é emocional e tem cura! O que fazer quando aparece aquele zumbido?

“Ai meu Deus, mas que tontura!”;”Estou sentindo uma tontura fora do normal”;“Espera, para que está tudo rodando”;“Não tenho condições nenhuma de me levantar”;“Acho que vou vomitar” – Quem nunca ouviu isso de pessoas que sofrem da temível vertigem não é mesmo?

É inacreditável o mal-estar terrível que pode causar e o pior é que atinge cerca de 33% da população em algum período da vida dela, principalmente na terceira idade, esse número tende a subir para até 65%.

Portanto galera, é preciso se cuidar e ter muita cautela com alguns fatores diários para evitá-la.

O que é

É uma doença causada no ouvido que afeta o labirinto (região do ouvido interno que está ligada à audição, noção de equilíbrio e percepção de posição do corpo) e as estruturas que são responsáveis pela nossa audição e nosso equilíbrio.

Deixando um pouco mais claro, a labirintite é quando esta região do ouvido fica inflamada ou irritada, o que faz com que os nervos enviem sinais incorretos ao nosso mais importante órgão, o cérebro.

Isso resulta em uma confusão do organismo já que os outros sentidos do nosso corpo entendem como se estivéssemos em movimento, o que leva à sensação de tontura e até mesmo de perda de equilíbrio.

O que pode afetar ou causar a Labirintite?

Algumas causas e razões ainda não desconhecidas, porém sabe-se que fatores como infecções, inflamações, alergias e até mesmo falta de sono e stress.

Alguns medicamentos também podem levar a pessoa a sofrer com os seus efeitos, principalmente se esta for um dos efeitos colaterais do medicamento.

Pessoas hipertensas, com alto colesterol e triglicérides, hipoglicêmicas, diabéticas, com otites, que fazem consumo exagerado de álcool, fumantes, que consomem muito café, usam muito antibióticos e anti-inflamatórios, com alimentação deficiente, que fazem prolongados jejuns e consomem muito açúcar, bom, essa galera também tem altas chances de sofrer com a sua terrível crise.

Sintomas da Labirintite?

São vários e todos bastante desconfortáveis, o que leva muitas pessoas que sofrem com a doença ficarem acamados. Aqui vão apenas alguns dos piores sintomas:



– Muita tontura;

Dor de cabeça;

labirintopatia dores na nuca dores nos olhos dores no pescoco dor no ombro dor nas costas dores nos bracos dormencia nas pontas dos dedos

– Náuseas e vômitos (devido à tontura);

– Sudorese excessiva;

– Alterações gastrointestinais;

– Perda parcial da audição (em casos muito graves, até total);

– Desequilíbrio (impossibilitando que a maioria caminhe ou sequer fique de pé);

– Zumbidos e barulhos agudos constantes no ouvido;

– Redução da audição;

– Dificuldade de focar os olhos;

– Queda de cabelo.

Em alguns casos, é tão grave que a pessoa entra em desespero, porque mesmo com os olhos fechados, a vertigem não passa.

Algumas pessoas que sofreram com a doença, afirmam que a sensação é que tudo ao redor percorre em círculo e em uma velocidade muito rápida.

Por isso em muitos casos as pessoas são encaminhadas ao médico ou ao pronto-socorro.

Existe tratamento, medicamentos ou cura?

Ainda bem que sim.

Em muitos casos ela melhora sozinha, pode levar algumas semanas, ou poucos dias e a pessoa tem a percepção disso de acordo com o sumiço dos sintomas.

Em casos de infecções bacterianas ou virais, o médico poderá receitar um remédio para combater estes males.

Remédio caseiro também ajuda a diminuir os seus sintomas como gengibre, ginkgo biloba, coentro, cardamomo e beba muita água o dia todo.

Se existe cura? Bom, ao que tudo indica não, mas existem situações de prevenção, mude seu estilo de vida e cuide melhor do seu corpo e você poderá evitar maiores problemas, até mesmo com outras doenças.

Pode matar? Até o momento a medicina não confirmou tal caminho.

Clique aqui agora para ver o que é, tratamento e prevenção da Leishmaniose