Hipotireoidismo

Hipotireoidismo

Veja os sintomas, tratamento natural e dieta do Hipotireoidismo e hipertiroidismo. Tem cura?

O que é

Você já deve ter ouvido falar em hipotireoidismo, mas sabe exatamente o que é e como tratar?
Esta é uma doença que começa a se manifestar por falhas na produção dos hormônios em que a tireoide é responsável.
A tireoide é uma glândula localizada na região do pescoço que exerce função reguladora do mecanismo metabólico do nosso corpo.
Normalmente estas falhas na produção dos hormônios acontecem por uma inflamação na tireoide chamada ‘Tireoidite de Hashimoto’; um distúrbio autoimune, portanto, o organismo acabará produzindo anticorpos que certamente prejudicarão e danificarão a tireoide.
Na outra ponta há o hipertireoidismo, ou seja, a glândula da tireoide começa a funcionar também de maneira inadequada, só que no sentido oposto, produzindo mais hormônios do que deveria.
É em função da deficiente produção dos hormônios triiodotironina (T3) e tiroxina (T4), pela glândula tireoide, que o hipotireoidismo surge provocando alguns sintomas indesejáveis.
Uma das principais questões ou dúvidas envolvendo a doença é se engorda ou emagrece.

Pois bem, o hipotireoidismo engorda, há aumento considerável de peso, sim!

Outros sintomas característicos da doença são:

• Sensação de cansaço;

• Ressecamento e descamação da pele;

o que comer ervas medicinais cura pela natureza  quer emagrecer wikipedia cuidados de enfermagem

pr

• Taxa de colesterol aumentada;

• Fluxo menstrual aumentado;

• Queda de cabelos;

• Baixa tolerância ao frio.

Pode também surgir quadros de depressão e também propensão à infertilidade. Nos homens, o hipotireoidismo altera bastante a qualidade dos espermatozoides.

Entretanto, as doenças causadas por desiquilíbrio hormonal, relacionadas à tireoide, são mais encontradas em mulheres, principalmente as que estão acima dos 40 anos.

No caso de hipertireoidismo os sintomas são um pouco diferentes:

• Bastante perda peso;

• Pouca tolerância ao calor;

• Insônia;

• Agitação;

• Palpitação cardíaca;

• Menstruação aperiódica;

• Transpiração excessiva.

Os sintomas, tanto para o hipotireoidismo, quanto para o hipertireoidismo podem se apresentar de forma bem diversa. Alguns pacientes podem sentir apenas um ou dois sintomas, enquanto outros os sentem em maior quantidade.

pode virar câncer –é grave- gengibre- remédio caseiro-homeopático-fitoterápico-nutricional

Outras complicações e tratamento

Enquanto o hipotireoidismo não se caracterizar como crônico, o tratamento pode ser considerado simples e tem cura.
Infelizmente a doença também pode atrapalhar a gravidez, já que a glândula precisa produzir 50% mais hormônio, havendo risco de aborto espontâneo e parto prematuro.

Em casos de hipotireoidismo não tratado, podem surgir outras complicações como:

• Anemia;

• Disfunção respiratória;

• Gastrointestinal ou neurológica;

• Hipertensão;

• Insuficiência cardíaca;

• Hipotireoidismo congênito.





Hipotireoidismo congênito (hereditário) se caracteriza por ser uma doença em que a glândula tireoide do bebê não consegue fabricar o hormônio T4, hormônio fundamental para o desenvolvimento tanto físico como mental da criança.

Entretanto, o diagnóstico dessas disfunções é realizado através de análise sanguínea.

O tratamento consiste em seguir a risca todas as ordens do seu médico de confiança, fazendo uso da medicação prescrita de forma apropriada sem interrupção.

E mesmo a mulher estando grávida, sabe-se que o tratamento pode reverter os possíveis problemas relacionados ao hipotireoidismo.

Portanto, procurar tratamento assim que diagnosticada a doença é muito importante para que você, ou você e seu bebê tenham toda a assistência e terapêuticas apropriadas a fim de minimizar ao máximo as complicações ou prognósticos ruins advindos do hipotireoidismo.

Clique aqui agora para ver o tratamento natural e dieta da Pancreatite.