Caxumba: Quanto Tempo Dura, Cuidados e se Pega Duas Vezes!



Veja quanto tempo dura, cuidados e se pega duas vezes a Caxumba no pescoço e na gravidez.

O que é

Também conhecida popularmente como papeira, é uma doença infecciosa e inflamatória causada por um vírus da família dos Paramixovírus.

Uma vez no organismo, o vírus afeta as chamadas glândulas parótidas (glândulas salivares de tamanho acentuado quando em comparação às demais glândulas salivares), localizadas no maxilar, à frente da orelha.

O processo infeccioso provoca o inchaço dessas glândulas, conferindo ao paciente um aspecto bastante característico dessa doença que é justamente o inchaço na região do maxilar/bochecha.

Transmissão

É uma doença infectocontagiosa, o que significa dizer que ela é facilmente transmitida de pessoa para pessoa.

Deve-se ressaltar que a saliva é uma das principais formas de transmissão da doença, já que está presente nos atos de espirrar e tossir.

O compartilhamento de objetos e utensílios entre uma pessoa com a enfermidade e uma pessoa saudável pode causar a contaminação desta.

Até mesmo uma conversa mais próxima com uma pessoa infectada pode levar ao contágio.

Fica claro o risco de transmissão dessa doença em ambientes públicos fechados e com superlotação; por esse motivo, recomenda-se ao diagnosticado com caxumba repouso absoluto.

Uma vez contaminada pelo vírus, a pessoa pode transmiti-lo a outra durante um período de aproximadamente 15 dias, que envolve um período de 6 dias anteriores ao início dos sintomas e um período de 9 dias após o início dos sintomas.

Passados os 15 dias, o corpo já responde de maneira eficaz à infecção e o risco de transmissão torna-se demasiadamente diminuído

Sintomas

O mais notável sintoma da doença é justamente o inchaço das glândulas parótidas, o inchaço pode ocorrer em um lado do corpo ou em ambos.

O processo infeccioso é acompanhado de outros sintomas característicos como a febre, a diminuição e perda de apetite, dores na região da cabeça, dor para mastigar e para engolir alimentos, fraqueza e fadiga.



pancreatite calendario basico de vacinacao autolimitada

Após a puberdade, também pode causar inflamação nos testículos nos homens ou nos ovários das mulheres, podendo inclusive provocar esterilidade em ambos.

Raramente esta doença provoca complicações mais sérias, mas o vírus pode atacar o pâncreas e também o cérebro, causando meningite.

Tratamento

Não há um tratamento específico para a caxumba, pois o corpo na grande maioria dos casos consegue combater o processo infeccioso a partir de seu próprio mecanismo de defesa, o sistema imunológico, através da produção de anticorpos específicos contra o vírus.

A doença é de fácil diagnóstico, que pode ser feito através de um hemograma que identifique na amostra a presença de anticorpos contra o vírus.

O tratamento caseiro procura amenizar os sintomas desta doença, como por exemplo, o consumo de suco de cenoura em abundância e de alho esmagado.

Prevenção

A principal forma de se prevenir contra esta doença é através da vacina.

A vacina contra esta doença é acompanhada da vacina contra rubéola e da vacina contra o sarampo.

Esse conjunto de 3 vacinas contra sarampo, caxumba e rubéola formam Tríplice Viral (SCR) – uma vacina que combate os 3 tipos de doença, causados especificamente por vírus.

Na ausência da vacina, recomenda-se que se evite o contato com pessoas diagnosticadas com caxumba e que se faça a limpeza e esterilização dos utensílios que potencialmente podem ter sido compartilhados com o doente.

Clique aqui agora para ver a Cistite crônica, intersticial e na gravidez