Zyban: Para que Serve, Posologia e Indicações. Parar de Fumar?

comprar online ansiedade

Veja como utilizar o medicamento que inibe a vontade do uso do cigarro:

Nota-se que atualmente, há diversas campanhas sobre os malefícios do tabagismo e da nicotina. No entanto, muitas pessoas já entendem os riscos e, portanto buscam maneiras para cessar o consumo.

Infelizmente a maioria não consegue parar facilmente uma vez que manteve o vicio durante muitos anos.

Desse modo, este medicamento foi elaborado para ajudar as pessoas que desejam parar de fumar.

O que é:

tratamento com 60 comprimidos


pr

Este é um remédio indicado para auxiliar a cessar o tabagismo. Ele deve ser associado a avaliação e aconselhamento dos profissionais da saúde para motivar as pessoas que possuem dependência da nicotina.

Ele minimiza a síndrome da abstinência e consequentemente a vontade de fumar. Além disso, é utilizado também para o tratamento contra a depressão.

O mesmo começa a fazer o efeito positivo aproximadamente uma semana após o início do tratamento. Esse é o período que ele começa a alcançar os níveis ideais em todo o organismo.

Bula:

Frisa-se que a posologia pode variar em função do objetivo de cada tratamento.

Diferente de outros medicamentos com o mesmo objetivo, o Zyban não tem em sua fórmula a nicotina.

Por isso, essa é considerada uma das maiores vantagens no quesito parar de fumar.

Isso porque, o objetivo mais relevante é a cessação da ingestão da nicotina.

Há outros meios de tratamento, porém, este de fato consegue cortar a nicotina de maneira mais rápida e eficaz.

Para parar de fumar, deve-se iniciar a utilização deste medicamento enquanto a pessoa ainda estiver fumando.





Ressalta-se que, é preciso estabelecer uma data para cessar o fumo durante o tratamento na segunda semana.

Para esse objetivo, a dose comumente indicada é:

  • Nos primeiros 3 (três) dias, ingerir 1(um) comprimido de 150 mg uma vez por dia.
  • A partir do quarto dia, deve-se ingerir um comprimido de 150 mg duas vezes no dia. Salienta-se que o intervalo entre cada ingestão deve ser ao menos de 8 horas. Além disso, o remédio não pode ser consumido próximo ao horário de dormir.
  • Geralmente, quando se identifica progresso após período de 7 semanas, o clínico considera interromper o tratamento.

É muito comum que a pessoa que se submete a esse tipo de tratamento tenha uma recaída.

Independentemente de quanto tempo, o médico avalia a possibilidade de manter uma dose terapêutica de manutenção.

A continuidade do tratamento usualmente é aconselhada pelo médico durante períodos superiores a 12 semanas.

Vale ressaltar que essa decisão deve ser minuciosamente estudada em cada caso, pois é necessário considerar os eventuais riscos e também os benefícios para a pessoa que almeja abster-se do fumo.

Para pacientes que possuem insuficiência hepática e renal o consumo do medicamento deve ser de forma cautelosa.
bup da insônia e álcool

A segurança bem como a eficácia dele ainda não está comprovada para crianças e nem para adolescentes com idade inferior a 18 anos. Entretanto, a utilização para essa faixa etária não é recomendada.

Os idosos apresentam maior sensibilidade quanto ao fármaco, assim, a redução na frequência e/ou redução da dosagem é indicada.

Contraindicações:

Este possui contraindicações de caráter absoluto para:

  • Hipersensibilidade a composição do produto;
  • Pessoas que tem epilepsia;
  • Indivíduos com tumor cerebral;
  • Transtorno grave de comportamento alimentar como, por exemplo, bulimia nervosa e/ou anorexia mental;
  • Dependência exacerbada relacionada ao álcool;
  • Pessoas que consomem sedativos e/ou outras drogas ilegais;
  • Que fazem a utilização de alguns medicamentos como Inibidores da monoaminooxidase;





Há no entanto, algumas situações em que esse medicamento pode ser ministrado, porém, é preciso avaliar e identificar a real necessidade.

Somente o médico tem total condições e autorização para prescrever o mesmo.

Antes de se submeter ao tratamento com ele, é primordial informar o consumo de todos os remédios atualmente e/ou recentemente para que o clínico ajuste a dosagem de acordo com o caso.

A segurança do uso desse remédio na gravidez não foi estabelecida.

Dessa forma, a administração durante a gravidez precisa ser avaliada e considerada somente se os efeitos benéficos se mostrarem superiores aos riscos em potencial.

Contudo, para realizar o tratamento desse fármaco em gestantes é indispensável a orientação de um médico.



pr

Dosagem:

Ele é apresentado com formulação em comprimidos que dispõe de ação prolongada.

É encontrado em cartuchos que contém de 30 a 60 comprimidos.

Composição:

Cada comprimido contém a dosagem de 150 mg. O excipientes da composição são:

  • Celulose microcristalina;
  • Hidroxipropilmetilcelulose;
  • Cloridrato de cisteína;
  • Estearato de magnésio;
  • Dióxido de titânio;
  • Polietilenoglicol;
  • Polissorbato 80;
  • Corantes azul FD&C no 2;
  • Vermelho FD&C no 40;
  • Cera de carnaúba.

droga raia remédio para parar de fumar

Onde comprar:

O remédio pode ser adquirido em qualquer farmácia, no entanto, é estritamente proibido para venda via internet uma vez que o mesmo necessita de receita médica.

É disponibilizado também na forma genérica cujo possui a mesma composição além da mesma eficácia.

Efeitos colaterais:

Os efeitos colaterais foram divididos entre comuns, muito comuns e também incomuns determinados a partir dos estudos clínicos. As reações adversas definidas pela farmacovigilância após a comercialização consideram-se muito raras.

Distúrbios do Sistema Imunológico:

  • Comuns: Hipersensibilidade.
  • Muito raras: Hipersensibilidades mais graves como, por exemplo, a angioedema, a dispneia, o broncoespasmo e também o choque anafilático. A artralgia, a mialgia e a febre foram também relatadas além de outros sintomas de hipersensibilidade tardia. Lembram, portanto a doença do soro.

Distúrbios da Nutrição e do Metabolismo:

  • Comuns: Anorexia.
  • Muito raras: Transtornos da glicose sanguínea.





Distúrbios Psiquiátricos:

  • Muito comuns: Insônia, agressão, irritabilidade, hostilidade, inquietação, sonhos estranhos, alucinações, delírio, despersonalização, paranoia.
  • Comuns: Ansiedade, agitação e depressão.
  • Incomuns: Confusão mental.

Distúrbios do Sistema Nervoso:

  • Muito comuns: Cefaleia.
  • Comuns: Vertigem, tremor, transtornos do paladar e transtornos da concentração.
  • Raros: Possíveis convulsões (visualizar as advertências).
  • Muito raros: Ataxia, distonia, parkinsonismo, alterações da memória, alterações da coordenação motora, síncopes e parestesias.

Distúrbios Oculares:

  • Comuns – Transtorno da visão.

antidepressivo

Distúrbios no Labirinto/Ouvido:

  • Comuns: Tinido.

Distúrbios Cardíacos:

  • Incomuns: Alterações nos batimentos cardíacos (Taquicardia).
  • Muito raros: Surgimento de palpitações.

Distúrbios Vasculares:

  • Incomuns: Elevação da pressão do sangue (alguns casos podem ser graves), elevação de calor e rubor (vermelhidão no rosto).
  • Muito raros: Hipotensão postural e também vasodilatação.

Distúrbios Gastrintestinais:

  • Muito comuns: Transtornos gastrointestinais como náusea e vômito, por exemplo, e boca seca.
  • Comuns: Constipação e dor no abdômen.
Loading...

Distúrbios Hepatobiliares:

  • Muito raros: Aumento do nível das enzimas hepáticas, da icterícia e também da hepatite.

Distúrbios na Pele e no Tecido Subcutâneo:

  • Comuns: Sudorese, rash e prurido.
  • Muito raros: Síndrome do Stevens-Johnson e eritema multiforme.

Distúrbios Musculoesqueléticos e distúrbios no Tecido Conjuntivo:

  • Muito raros: Surgimento de contrações musculares de forma involuntária.

Distúrbios no Sistema Urinário:

  • Muito raros: Elevação na frequência da micção e/ou da retenção urinária.

30 comprimidos

Distúrbios de maneira geral:

  • Comuns: Astenia e febre.
  • Incomuns: Dores na região do peito.

Preço:

O valor do medicamento varia conforme a quantidade de comprimidos e também de acordo com o estabelecimento e região.

As caixas que contém 30 comprimidos podem ser encontradas com valor aproximado de R$145,00 e as que contêm 60 comprimidos em torno de R$291,00.

Verdadeiramente, este ajudou milhares de pessoas que se encontram como dependentes da nicotina.

Há muitos depoimentos de pessoas que obtiveram sucesso com esse tratamento. Entretanto, ele não deve ser consumido sem a avaliação, orientação e prescrição médica.

Confira tudo sobre os outros remédios, basta: Clicar aqui!

Clique aqui para conhecer o adapaleno, bula, posologia e indicação



Recomendado para você:

Loading...


Política de Privacidade


Alimentação
Receitas
Frases, Mensagens e Imagens
Cachorros e Raças
Emagrece ou Engorda?
Shake
Suplementos
Tattoos
Esportes

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (Sem votos ainda, vote!)
Loading...