Amoxicilina: Para que Serve o Comprimido com Clavulanato!




amoxadene nemoxil posologia

Veja como tomar, indicações e efeitos colaterais da Amoxicilina com Clavulanato:




Se você alguma vez já sentiu dores fortes de garganta, estando ela inchada e parecendo fechada, certamente um dos medicamentos que logo te indicam é a Amoxicilina.

Ela é um dos antibióticos mais conhecidos no universo farmacêutico, e quase todas as pessoas já tomaram uma vez na vida.




Para que serve:

Esse antibiótico faz parte da família das penicilinas e é responsável por tratar doenças infecciosas que não sejam tão graves, principalmente nas vias respiratórias, mas também pode ser prescrito no tratamento contra bactérias.

Antigamente muitas farmácias vendiam esse medicamento sem receita médica, mas essa prática é proibida nos dias de hoje. Ela é vendida mediante a apresentação da receita, sendo mais comum a caixa de 500 mg, sendo administrado duas vezes por dia.

amoxil atak novocilin sinot indicações







Como age:

Os antibióticos que fazem parte da família penicilina tem um anel que é chamado de beta lactamico. Algumas bactérias mais fortes conseguem destruir essa proteção com uma enzima, a beta lactamase. Em casos assim, o medicamento não consegue o efeito desejado sobre a bactéria.

Amoxicilina com Clavulanato:

A fórmula deste antibiótico com clavulanato, no entanto, possui ácido clavulânico, responsável por inibir a beta lactamase, o que consequentemente impede que as bactérias consigam destruir o anel beta lactamico. O resultado é um medicamento muito mais eficaz, que consegue combater com sucesso grande parte das bactérias que atacam o corpo humano.

Essa vantagem da Amoxicilina com clavulanato faz com que ela seja a primeira opção do médico ao receitar um medicamento para um paciente que esteja com alguma infecção mais grave causada por bactérias potentes, como infecções no trato urinário.

Quando os médicos costumam receitar:

Ela é muito útil e eficaz contra bactérias do gênero Streptococcus, Coli, Gonorrhoea, Enterococcus, Haemoplhilus, Shigellae, Salmonella, Moraxella e Helicobacter.

Pacientes que estão sofrendo com problemas gástricos, faringite ou cistite podem utilizar o medicamento no tratamento, desde que seja com uma recomendação médica. Também serve para dor de dente.

O remédio com clavulanato costuma ser receitada para pacientes que sofrem de infecções provenientes de feridas, pé diabético, mordidas de animais, entre outros casos.

amoximed novoxil infecção garganta

Efeitos colaterais:

Apesar de ser um antibiótico muito potente, ela não possui uma incidência muito grande de efeitos colaterais nos pacientes que fazem uso do medicamento.

Segundo a Anvisa, somente 3% dos pacientes apresentaram alguns sintomas relacionados ao uso do medicamento, um índice muito mais baixo do que o comum em comparação com outros remédios.

Quando aparecem, os efeitos colaterais são náuseas, cólicas, irritações na pele como urticária, diarreia e candidíase em mulheres.

Alguns pacientes relataram outros efeitos, sintomas emocionais como ansiedade, insônia, agitação maior do que o normal, confusão mental e até vertigem, mas esses casos foram muito mais raros.

Muitas pessoas são alérgicas à penicilina ou possuem algum tipo de sensibilidade a outro compomente do medicamento, e isso pode causar reações alérgicas graves.

Contra indicações:

Como dito acima, alguns pacientes são alérgicos à penicilina, e para esses a mesma não é indicada, independente de qual seja a sua versão.

Pessoas com histórico de problemas renais também precisam ter a dose recomendada pelo médico de acordo com a sua necessidade para evitar problemas. Em casos de insuficiência renal, o consumo costuma ser vetado, já que já existiram casos de convulsões em pessoas que possuíam a função renal comprometida.




É preciso uma análise médica minuciosa caso haja algum problema nos rins. Nunca administre qualquer medicamento sem consentimento médico. Alterações nas funções renais podem representar perigo para a saúde.

Gestantes podem tomar amoxicilina se for autorizado pelo obstetra. Lactantes precisam ter mais cuidado, já que o antibiótico passa para o bebê através do leite. Embora não seja contraindicado, é preciso ter cuidados extras se for esse o caso.

Pacientes que possuam qualquer tipo de sensibilidade ao grupo de antibióticos beta lactamicos também não podem fazer uso dela.

O médico pode receitar este antibiótico em diversos casos, mas não antes de ser informado a respeito do seu histórico clínico, resistências e particularidades de cada organismo.

O uso infantil:

É bastante comum que crianças façam tratamentos com amoxicilina, uma vez que a incidência da necessidade de antibióticos costuma ser maior na infância.

No entanto, é importante que se siga à risca a recomendação médica, pois a dose é ajustada para o organismo infantil. Isso significa que o responsável não deve reaproveitar o vidro do remédio que tem em casa sobrando do próprio tratamento com o filho na mesma dose.

Crianças menores de três anos de idade, por exemplo, só podem ingerir 125mg diários, ou 2,5ml do medicamento a cada 8 horas. A dose aumenta em crianças maiores de 3 anos para 250mg diários ou 5ml a cada 8 horas.

amoxitan ocylin 250 mg para bebe

O peso da criança também é um fator importante nesses casos. Uma criança que pese mais do que 40kg pode tomar a mesma dose de um adulto. O pediatra saberá avaliar a quantidade e dosagem apropriada.

Muitas crianças que estão sofrendo com otite, dor de garganta e sinusite podem recorrer a esse tratamento.

Como tomar:

Ela pode ser encontrada tanto em xarope como também em comprimidos, em qualquer uma de suas versões. Habitualmente tanto a amoxicilina com clavulanato quanto a comum são ingeridas a cada oito horas ou a cada doze horas. Essa dosagem pode aumentar ou diminuir de acordo com a orientação dadas por seu médico dependendo da necessidade para o seu caso.

Também pode ser administrado o pó oral, muito útil para o tratamento de crianças. Se a infecção for mais leve e estiver sob controle, a dose costuma ser de 25 mg por dia, enquanto em infecções mais graves pode chegar a 45mg por dia.

Por quanto tempo tomar:

O tratamento costuma durar em média entre uma a duas semanas, sem qualquer interrupção na medicação. É preciso ter cuidado para não ingerir nenhuma outra substância que possa prejudicar o efeito da droga no organismo.

axepen sulbamox antiinflamatorio

Para a ingestão e o melhor efeito não é necessário estar em jejum, pelo contrário, a amoxicilina pode ser tomada durante as refeições e é até melhor para o estômago não tomar o medicamento de barriga vazia, evitando possível sensação de queimação.

Fórmula da Amoxicilina:

A composição possui, a cada 500mg de uma cápsula:

• Croscamelose sódica;

• Estearato de magnésio;

• Dióxido de silício;

• Delulose microcristalina;

• Laurilsulfato de sódio

É preciso avaliar se o paciente possui alguma evidência de alergia ou sensibilidade a algum desses componentes presentes na fórmula antes de indicar o uso do medicamento.

Quanto custa:

O preço costuma ser acessível de modo geral. Ele varia dependendo do laboratório, da farmácia e da fórmula. As caixas costumam possuir entre 15, 21 ou 30 unidades, e podem ser compradas de acordo com a recomendação da receita médica, onde fica claro o tempo que o paciente deverá consumir.

Se preferir a versão líquida, as embalagens estão disponíveis em preços bastante semelhantes a versão em comprimidos, tendo a caixa com 125mg, 250mg e 500mg.

Amoxicilina corta o efeito da pílula anti concepcional:

velamox amox drogaria sp droga raia drogasil farmacia popular

Existem relatos de mulheres que se queixam do uso do medicamento e outros antibióticos prejudicarem o efeito de pílulas anticoncepcionais, resultando em gravidezes indesejadas.

Esse não é um efeito colateral por conta da sua fórmula, mas a incidência pode ser justificada se avaliarmos o fato de que os antibióticos podem prejudicar a flora intestinal que deve reabsorver o estrogênio. Os antimicrobianos podem diminuir o efeito do remédio.

Ainda assim, se o médico recomenda o uso de antibióticos, é porque ele se faz necessário para o seu quadro clínico, especialmente se existem bactérias dentro do seu organismo. Não fazer o tratamento medicamentoso pode trazer consequências muito sérias à saúde e até mesmo a morte, portanto é preciso fazer o uso quando indicado.

Para evitar qualquer efeito indesejado na ação anticoncepcional, o recomendado é que se mantenha o uso de preservativos ao ter relações sexuais durante o tratamento.





Os preservativos de barreira existem em versão masculina e feminina e o uso não deve ser suspenso junto com o fim do tratamento.

O recomendado é que se aguarde uma semana para abolir o uso dos preservativos e voltar a confiar apenas na pílula anticoncepcional.

É importante ressaltar que não se deve interromper o uso das pílulas durante o tratamento, mesmo com o uso da camisinha. Mantenha o seu tratamento normalmente, apenas não confie apenas nele durante esse período.

Não se deve jamais consumir medicamentos sem o conhecimento do médico responsável ou sem ler a bula. Isso pode causar danos à saúde, ainda que futuramente, ou no menos grave dos cenários fazer você desperdiçar dinheiro com um medicamento que não é útil para o seu problema. Tão logo notar os sintomas, não se auto diagnostique e marque uma consulta com o clínico geral, ele saberá dizer se a amoxicilina é apropriada para o seu caso.

Sempre informe ao médico o seu histórico clínico e as necessidades especiais do seu organismo.


Recomendado para você:






Política de Privacidade

Clique aqui agora para ver para que serve e como age o Paracetamol

1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas (1,788 votos, média: 4.70 de 5)
Loading...