Como Fazer Tapioca: Preparar a Simples e Light com Farinha Pronta!




yoki engorda com goma

Veja como preparar o passo a passo da receita de Tapioca simples com farinha pronta de polvilho doce!






Em registros do século 16, surge por criação portuguesa, a Casa de Farinha na Ilha de Itamaracá, em Olinda-PE, (onde se consumiam o biju intensamente, a farinha e a tapioca - goma- extraídos da mandioca), o que mostra-nos sua grande influência alimentar na época.

Em várias outras leituras vimos que os nossos povos faziam vários tipos de biju; o biju simples era uma massa fresca, úmida, passada pela peneira de fibras de vegetais (urupema) que formavam placas empelotadas, que levadas em aquecimento, ficavam ligadas, e essa era então, como fazer a massa da tapioca.

Nesse tempo colonial, a tapioca era consumida como acompanhamento para peixes e carne de caça, substituindo sem dúvida o pão de trigo branco.

Era também consumida com leite, com ovo ou com carne.

De lugar para lugar seu consume variava, no sertão nordestino, por exemplo era emplastada com a manteiga, mas no litoral do canavieiro era consumida com leite de coco, açúcar e servida em folhas de bananeira.

carne seca e queijo coalho macia quente ou fria

É tarefa difícil precisar o local de seu nascimento…

Mas os primeiros relatos escritos se referem ao Norte do Brasil (hoje Nordeste), embora ainda muito imprecisos…

O que vale mesmo é que tudo isso serviu para transformar a tapioca, num dos mais tradicionais símbolos da nossa culinária, que no século 19 chegou à Ásia, em alguns países como Vietnã e Tailândia.

Atualmente seu consumo tornou-se prato corriqueiro, indicado por nutricionistas devido a riqueza de sua goma pura e composta basicamente de carboidratos, para repor a energia dos atletas.

Para que a gente entenda toda essa evolução da tapioca, (que até virou gourmet) precisamos saber o que vem nas embalagens desse produto básico para confeccioná-las e entender a sua informação nutricional e os seus benefícios decorrentes.

Na dificuldade de se encontrar a farinha para tapioca pronta, você poderá fazê-la com o polvilho doce, mas aí é outra conversa…

Você encontrará:

Goma para tapioca - Goma de mandioca - Farinha pronta para tapioca - Massa pronta para tapioca, e por aí vai…

Mas vamos por parte, para fazer uma tapioca, precisaremos de: farinha para tapioca - já umedecida.

Por ser hidratada ela não é uma farinha seca, está no ponto certo para o uso, sem perder tempo, ou errar na umidade.

Pronto, farinha umedecida separada, vamos à escolha da panela.

Sabemos que no mundo da cozinha existem variedades infinitas de panelas, mas de uma vez por todas entenda, para fazer uma excelente tapioca, as frigideiras são as melhores, as antiaderentes principalmente, pois elas facilitam para que a farinha não grude, facilitando também retirá-la depois de pronta.

doce chocolate granulada

Um tamanho excelente de tapioca feita em casa é com 3 colheres de sopa cheias de massa, numa frigideira antiaderente de 20 cm.

E para entender seu cozimento observe que se ela começar a desgrudar as bordas da sua frigideira, é hora de virá-la rapidamente e em poucos minutos de cozimento, desvirá-la novamente.

Uma dica certeira, para que a sua tapioca fique bem macia é não deixá-la muito tempo ao fogo, evitando também a queima!

Ah, use fogo médio e seja rápida, garantindo discos perfeitos e com o passo a passo sem transtorno algum.

E lembre-se, é impossível fazer qualquer tapioca num microondas.

Mas dá para congelá-la depois de pronta, e ela pode durar até um mês, depois é só descongelar e 15 segundos de aquecimento no microondas.

Isso lhe garante lance pronto para levar para o trabalho, a academia, ou até aquele café da manhã rapidinho…

Frigideira no fogo e os ingredientes na mão.




Veja como fazer abaixo.

Receita de Tapioca tradicional:

Ingredientes:

 

 

Ingrediente

Quantidade

Goma de Mandioca Hidratada 03 colheres (sopa) para cada unidade
Sal Marinho 1 colher de café

 

Modo de Preparo:

1. Em uma vasilha, peneire uma porção de goma de mandioca hidratada.

2. Sempre acrescente o sal (que vale para a tapioca doce ou para a salgada).

3. Assim, preaqueça a sua frigideira antiaderente.

4. Polvilhe a tapioca já peneirada com uma colher na sua frigideira aquecida, preenchendo por completo a superfície inteira com esse preparado.

5. Sobre a tapioca passe a colher alisando-a, para que fique uniforme e plana.




6. Vire-a dos dois lados, para que fique cozida por igual.

7. Retire da frigideira e deixe-a numa superfície plana e enrolando-a a seguir para depois recheá-la a seu gosto.

Recheios

Sua imaginação pode criar variedades de recheios para as tapiocas, light, fitness, doces, salgadas, com carne, com queijos, com frutas, com geleias, com leite condensado, com sorvete… tudo a escolher!

Lembre-se que dos 89g de carboidratos a cada 100g de tapioca, tem 0,9g de fibra alimentar e ainda 3,3g são açúcares.

A tapioca tem alto índice glicêmico, podendo ser perigosinha para os diabéticos.

Mas os benefícios são enúmeros para quem pratica atividades físicas intensas.

Com as dicas acima só é tudo gostoso e vamos tapiocar!

Política de Privacidade

Clique aqui agora para ver a receita de Torta Salgada de Liquidificador