Husky Siberiano: Branco, Preto, Marrom, Preço do Filhote!



Veja sobre o Husky Siberiano branco, preto, marrom, preço filhote e onde comprar. Venda ou doação?

Introdução

É a raça que pertence ao grupo de classificação canina dos Cães Trabalhadores.

Logo, não é difícil prever para qual função esses cães foram idealizados: são habilitados a realizar algum tipo de tarefa específica.

No caso do nosso Husky Siberiano, sua especialidade é puxar trenós na neve.

É um animal que apresenta muitas semelhanças físicas com um ancestral remoto, o lobo. Possui orelhas levantadas e grande agilidade, resistência física e inteligência.

Esta raça de cachorro está no grupo dos Cães Trabalhadores junto com outras raças como Bernese Mountain Dog, Malamute do Alasca, Dogue de Bordeaux, Boxer, Akita, Mastiff, Rottweiler e São Bernardo.

Origem

Como o próprio nome sugere, o Husky Siberiano é originário da Sibéria, mais especificamente da região nordeste da ásia.

Nessa região, havia um povo nômade conhecido como Chukchi, que foram responsáveis pela criação da raça.

O cão era imprescindível para essas pessoas, uma vez que desempenhava a função de puxar os trenós para transportá-las em um terreno extremamente irregular e frio.

No entanto, não foi na Sibéria que o Husky Siberiano se tornou conhecido e popular.

Com a descoberta de grandes reservas de ouro na região do Alasca, iniciou-se uma verdadeira corrida para explorar esse recurso mineral.

Devemos concordar que a região do Alasca, em meados do início do século 20, não era lá uma região muito desenvolvida.

Dessa forma, as pessoas que foram para lá explorar o minério de ouro buscavam sempre se entreter com alguma atividade.

A atividade que se tornou comum na região nesse contexto foi justamente a corrida de cachorros.

dupla cobertura de pelos resistente

Funcionava assim: uma distância considerável era fixada (em torno de 500 a 600 quilômetros de percurso) e eram realizadas apostas nos cães.

Se você tivesse apostado no cão vencedor, ganharia a bolada. Próximo ao ano de 1910, alguns representantes do povo Chukchi levaram a raça da Sibéria em direção ao Alasca. Como os Huskies Siberianos eram mais dóceis e tinham tamanho menor do que as demais raças competidoras, de início os apostadores não acreditavam no sucesso da raça nas competições.

No entanto, um criador da região do Alasca ficou encantado com a beleza da raça e encomendou da Sibéria 70 exemplares.

Foram todos treinados para competir em corridas e acabaram se tornando grandes campeões da modalidade.

Pense: se um cão consegue correr rápido e por longas distâncias puxando um trenó carregado, imagine o que não é capaz de fazer correndo apenas com o peso do próprio corpo.

Nesse período os cães se popularizaram primeiro no Canadá e depois nos Estados Unidos da América, até conquistar admiradores por todo o planeta.

Características físicas

Husky Siberiano é uma raça bastante parecida com os lobos.

O tamanho e peso do animal varia de acordo com o sexo.

O macho tem altura dentro da faixa de 53 centímetros a 60 centímetros, e a fêmea dentro da faixa de 50 centímetros a 55 centímetros.



Em relação ao peso, o macho tem peso que varia entre 20 quilos e 27 quilos e a fêmea tem peso que varia entre 15 quilos e 22 quilos.

O cão é forte, musculoso e muito peludo.

Essas características tornam possível a realização da atividade para a qual ele era empregado: sendo forte, pode puxar trenós carregados de suprimentos e pessoas; sendo peludo, pode suportar as terríveis temperaturas frias da região da Sibéria e do Alasca.

É um cachorro de grande porte, com as orelhas apontadas para cima. Ainda em semelhança com os lobos, gostam de estar acompanhados de outros cães (preferencialmente da mesma raça).

Os olhos também são muito bonitos: podem adquirir muitas tonalidades, inclusive um azul marcante. É muita beleza e formosidade para um único animal.

Não é um dos cães mais inteligentes e isso se reflete na dificuldade de adestramento da raça. São pouco resistentes ao calor e necessitam de muitos exercícios físicos.

amante do frio limpo

Temperamento

Devido a sua semelhança com os lobos, muitas pessoas acreditam que o Husky Siberiano é um animal muito arisco e agressivo, o que não é verdade.

O cão é animado, dócil, enérgico e adora brincadeiras. Está sempre alerta e pode vir a ser um bom cão de guarda, se tiver um treinamento adequado para esse fim.

É muito apegado ao dono e não se relaciona tão bem com outros animais domésticos como cães, gatos e aves.

Um fato interessante é que é muito amigável com pessoas estranhas. Por esse motivo não é da natureza do cachorro ser um cão de guarda, embora possa ser treinado para esse fim.

Mais características da raça

Gostou muito da raça? Está na hora de saber quanto custa esse lindo animal.

O preço de um filhote desta raça varia dentro da faixa de 1200 reais podendo chegar até 3000 reais.

Se você pretende comprar o animal, algumas dicas podem fazer a diferença.

No ato da venda, você deve conferir a documentação do animal e os padrões definidos para essa raça.

Assim, você evita que um vendedor mal intencionado te engane ao não vender um Husky Siberiano autêntico.

A sugestão é que você compre o animal pessoalmente de um canil, para evitar transtornos maiores.

Opte por locais reconhecidos e legalizados.

Vale ressaltar que esse não é o único jeito de adquirir o cachorro: existem vários exemplares a venda na internet, em sites como OLX e MercadoLivre.

É um pouco arriscado, mas fica a seu critério.

O Husky é um animal agitado, enérgico e esportivo.

Gosta de frio e sofre um pouco  com calor. Se você mora em um local muito pequeno como um apartamento, é melhor escolher uma outra raça.

Além disso, se sua cidade é muito quente durante a maioria do ano, o Husky pode não se adaptar bem ao clima, pois prefere locais mais frios.

Você deve ter tempo para escovar os pelos toda semana.

Clique aqui agora para ver as características do Labrador filhote marrom e preto

diminuidor