Gordura Trans: Malefícios, Lista de Alimentos e Significado



Veja lista com alimentos com Gordura Trans, seu significado, malefícios para sua saúde e colesterol

O significado de Gordura Trans ou Trans fat, é um tipo de gordura vegetal modificada, passando por um processo de hidrogenação natural ou em laboratório, que é mais comum, devido ao uso das indústrias, sendo um tipo de gordura sintética.

A gordura vegetal hidrogenada, ou gordura hidrogenada, gordura parcialmente hidrogenada e gordura interesterificada, são tipos de gorduras trans usados pela indústria, pois são baratas, dá mais durabilidade e crocância aos alimentos.

Ela foi criada pelas indústrias nos anos cinquenta, mas já foi proibida nos Estados Unidos e em alguns outros países. Quanto ao Brasil, a ANVISA ordenou a retirada desse tipo de gordura, ao longo dos anos que se seguem, dando um prazo de cinco anos.

Por mais que deixe os alimentos com mais sabor e dando durabilidade, esse tipo de gordura, é muito prejudicial à saúde.

Malefícios

A gordura trans, não se torna nada saudável, já que é um tipo de gordura que é mais rígida e de difícil eliminação pelo corpo.

Apesar das indústrias substituírem a gordura animal, que é uma gordura saturada, acreditando que faria menos mal à saúde, na década de cinquenta, estudos recentes mostram que ela é muito mais perigosa que a gordura saturada, elevando o LDL e não diminuindo o HDL.

Com isso, conclui-se que a gordura trans, ou Transfat, faz aumentar ainda mais o colesterol, entupindo mais as veias, que consequentemente inflamam mais, por ser uma gordura muito rígida, fazendo com que o corpo tenha mais dificuldade de eliminá-la, ou seja, um grande aumento no LDL e uma grande queda no HDL.

textura prazo validade infarto cookie oleo vegetal

Acarretando problemas de pressão alta e outros problemas graves do coração, além de poder causar com mais facilidade, um AVC.

Outro prejuízo que a gordura trans faz ao nosso corpo, é na parte intestinal, onde causa mais danos nas paredes do intestino, do que o glúten.

Ainda está relacionado a casos de câncer e problemas de infertilidade, ou dificuldade de segurar uma gestação, no caso das mulheres.
Para completar o cardápio dos malefícios, ainda provoca o aumento da obesidade e a diabetes tipo 2, fazendo que aumente a resistência insulínica.

Em que alimentos se encontra?

Está presente em noventa por cento dos alimentos industrializados como, biscoitos de sal e doces, principalmente os recheados, margarinas, pães industrializados, doces industrializados, uma pequena porcentagem nos chicletes também, barras de cerais, pipocas de microondas, salgadinhos, chocolates, bolos, sucrilhos, cereais, macarrão instantâneo, sopa instantânea, sorvete, barras de proteína, pizzas e lasanhas congeladas, assim como muitos pratos prontos congelados, fast food.



Ainda podendo ser encontrada em alimentos feitos em restaurantes, principalmente as frituras, que costumam ser feitas com a gordura vegetal hidrogenada.

Como identificá-la nos alimentos industrializados

Hoje, já existe uma norma no Brasil, no qual as indústrias tem que colocar não apenas a quantidade de vitaminas, fibras, minerais, calorias, proteínas e carboidratos, gorduras saturadas e insaturadas, mas também a gordura trans.

Com isso, a primeira coisa que o consumidor tem que fazer na hora de comprar o produto, é ver se há uma porcentagem dessa gordura trans especificada na embalagem.

Como a ANVISA determina que menos de 0,2% de gordura trans, não precisa ser especificado na embalagem e é considerado nulo, as indústrias podem colocar que não há traços dessa gordura em específico.

Com isso, o consumidor tem que ir para o segundo passo, para ter certeza que não há gordura trans no produto.

Agora, é hora de olhar os ingredientes contidos naquele produto. Se encontrar escrito, gordura vegetal hidrogenada, gordura hidrogenada, gordura parcialmente hidrogenada, ou gordura interestificada, pode ter certeza que nesse alimento contém gordura trans.

acidos graxos trans sanduiches batata frita coxinha nuggets

diminuidor

O que fazer?

Infelizmente, 90% dos alimentos industrializados vão conter esse tipo de gordura, então o melhor a fazer é:

  • Substituir a margarina pela manteiga, pois apesar de conter gordura saturada, vai fazer menos mal à saúde e não vai baixar a quantidade de gordura insaturada responsável pela manutenção saudável do organismo.
  • Comer mais produtos naturais, onde pode ser encontrado em lojas especializadas nesse tipo de alimento natural.
  • Preferir alimentos como verduras, legumes, frutas, arroz e feijão, além de uma carne magra.
  • Fazer receitas caseiras, como molho de tomate por exemplo, evitando não apenas a ingestão da gordura trans, mas também o excesso de sódio que costuma ter no molho pronto.
  • Evitar fazer receitas com produtos industrializados, podendo até trocar alguns ingredientes.
  • Evitar comer em restaurantes, mas caso vá em algum, converse com o responsável e veja como é feito os alimentos.
  • Essas são algumas maneiras de se evitar o alto consumo de gordura trans e evitar malefícios que aparecerão ao longo do tempo.

    Clique aqui agora para ver Benefícios, Propriedades e Como Comer a Romã